NOTÍCIAS

  • A Super Picape Ram 1500: Prevista para o Brasil até fim de ano de 2016

  • Um modelo basicamente urbano mas com suspensões para encarar qualquer obstáculo. Inclusive, obstáculos urbanos, como irregularidades no asfalto Logo após o lançamento da picape RAM 2500 Laramie, agora a marca planeja a importação da 1500, uma picape menor, para brigar com a Toyota Hilux. Executivos da empresa ainda não cravam uma data, mas dizem que a chegada do modelo é certa. A data ainda é um mistério, porque é preciso fazer varias adaptações. É provável que o modelo utilize o mesmo motor da Grand Cherokee Turbodiesel, um V6 3.0 de 241 cv a 4.000 rpm e 56 mkgf entre 1.800 e 2.800 rpm. O câmbio seria automático de oito marchas. Estima-se que o modelo custaria aqui cerca de R$ 180 mil, que é a faixa da Hilux mais cara, considerando motorização diesel e cabine dupla. Ao contrário da picape RAM 2500, a picape RAM 1500, também produzida no México, entraria na briga por um mercado bem maior no Brasil, e poderia melhorar volumes mais elevados de vendas. É a faixa onde a marca Dodge já atuou no passado, com a Dakota. Prevista para chegar até o fim do ano, Ram 1500 usa motor V6 diesel de 243 cv. Conheça mais sobre a picape antes da estreia no evento em São Paulo

    A Fiat-Chrysler revela mais uma de suas atrações para o Salão do Automóvel de São Paulo, que abre as portas no próximo dia 10. A enorme picape Ram 1500 será exibida em seu estande, aparecendo pela primeira vez de forma oficial no Brasil. Embora a marca agora fale que estuda a possibilidade de importar o modelo, a Chrysler já havia afirmado no Salão de Detroit (EUA), em janeiro, que a caminhonete estava em processo de homologação e que chegaria às lojas até o fim do ano. Medindo 5,81 metros de comprimento, a Ram 1500 tem um apelo maior do que a Ram 2500, modelo que é vendido no Brasil. O motivo é simples: O porte da 2500 faz com que a legislação exija que o motorista tenha habilitação da categoria C, para transporte de carga com peso bruto total acima de 3.500 kg – no caso da 2500, ele chega a 4.536 kg. Com isso, terá um leque maior de possíveis compradores. O modelo exposto no Salão do Automóvel será a Ram 1500 Laramie com cabine dupla Crew Cab, adiantando que será vendida da mesma forma que a Ram 2500, em versão única. A caminhonete que estará no evento conta com o motor 3.0 V6 EcoDiesel de 243 cv e 58,1 kgfm de torque, trabalhando em conjunto com o câmbio automático de oito marchas. Como não podia faltar em uma picape desse porte, vem com tração 4x4 e suspensão a ar. Mesmo com a vocação para o campo, a Ram 1500 vem muito bem equipada, já que a versão Laramie é uma das mais caras. Conta com faróis de xenônio com acendimento automático, ar-condicionado digital de duas zonas, controle de estabilidade e tração, central multimídia de 8,4 polegadas com navegador por GPS, câmera de ré, sensor de estacionamento e rodas 20” em liga leve.
  • Mais atrações
  • A Ram 1500 estará ao lado de outros modelos inéditos no Brasil. A Chrysler trouxe uma unidade do monstruoso Challenger SRT Hellcat, com motor V8 de 717 cv e 89,8 kgfm, para roubar um pouco a atenção da Chevrolet e seu novo Camaro. Outro veículo com um arsenal sobre o capô é o Grand Cherokee SRT, equipado com o 6.4 V8 HEMI de 475 cv. O carro mais normal no estande será a van Pacifica, que substitui a Town & Country e conta com o 3.6 V6 de 287 cv. Fonte: Carros - iG

    Página Principal