NOTÍCIAS

Nissan March 2017: agora maior e mais atual

Baseando-se no sucesso do carro conceito apresentado pela marca no Salão de Genebra em 2015, a Nissan prometeu apresentar um March 2017 totalmente reformulado e capaz de brigar contra os grandes nomes de sua categoria (e, até mesmo, de categorias superiores à sua) em pé de igualdade. Hatch ganha visual mais moderno, opções de motor turboalimentados e tecnologias de segurança ativa.A quinta geração do Nissan March, chamado na Europa de Micra, mudou radicalmente. Apresentado nesta quinta-feira (29) no Salão de Paris, o hatch perdeu aquela carroceria altinha e compacta, para ganhar um ar moderno e mais esportivo. Há novidades relevantes também em termos mecânicos. As opções são um motor 0.9 de três cilindros a gasolina turbocharged, além de um propulsor 1.5 turbodiesel (ambos têm 90 cv). Outra alternativa é um bloco 1.0 aspirado de 75 cv. Maior, mais bonito e mais atual é a promessa para o carro que deverá estrear no Salão de Paris e, desde seu anúncio, virou uma grande expectativa do mercado de hatches global.

Com a apresentação do conceito Sway no último Salão de Genebra e a crítica positiva a respeito dele, a Nissan parece ter finalmente criado coragem para apostar de verdade no March. Já anunciou para o Salão de Paris de 2017 o novo March 2017 – um projeto radicalmente diferente do modelo atual. Mais contemporâneo, agressivo e estruturalmente maior, o hatch busca ocupar um espaço competitivo que nunca obteve até então – e, se o modelo realmente apresentar os traços do Sway – tudo indica que ele terá capacidade suficiente para brigar com seus antigos algozes de igual para igual. O visual é mais futurista e verdadeiramente agressivo. Quanto mais o March 2017 se aproximar conceito Sway, mais pioneiro será em relação ao modelo apresentado – e mais distante estará do antigo March com o visual cansado.

  • Interior atualizado
  • Como ainda não foi mostrado de maneira oficial, além de projeções e materiais divulgados pela própria montadora, resta crer na palavra da diretoria da marca, que afirma que o veículo chegará mais competitivo, tecnológico e com um sistema de entretenimento suficientemente atual para fazer frente aos modelos mais avançados de sua categoria. Também espera-se que a Nissan busque resolver definitivamente o layout interno do March 2017, que não parece muito bem acabado, nem mesmo em suas versões mais luxuosas. Obviamente, não se espera o visual deslumbrante do projeto Sway, que parece estar décadas à frente do mercado automobilístico atual. No entanto, não seria nada ruim se o March 2017 estivesse francamente inspirado no conceito para apresentar um interior agradável e atual. O Nissan March brasileiro é produzido na planta de Resende, no estado do Rio de Janeiro, mas não há nenhum tipo de confirmação a respeito da introdução do March 2017 global no mercado brasileiro. É evidente que sua eventual chegada ocorrerá, a dúvida é se será rápido o suficiente para finalmente entregar um March atual e interessante, ao invés do modelo cansado e pouco atrativo que chegou ao mercado brasileiro e fez tão pouco barulho durante seus anos por aqui. O hatch também ganhou controles de tração e estabilidade, além de tecnologias de segurança ativa, como sistema de frenagem autônomo (quando houver risco de colisão com pedestres), alerta de transição de faixa de rolamento, leitura de placas de sinalização e alerta de ponto cego. O novo March também otimizou os sistemas de entretenimento e conectividade. Há uma central multimídia com tela de 7 polegadas com Apple CarPlay e som Bose com seis auto-falantes. Aliás, o interior remete bastante ao SUV Kicks, principalmente por conta do acabamento em couro do console e o desenho do volante multifuncional.

    Página Principal

    Vitrine